quarta-feira, 10 de novembro de 2010

A MORTE É COMO A VINDA DE JESUS ?



“Para um cristão, a morte já é como a Segunda Vinda de Jesus?”

Por: Jemuel Kessler

É comum ouvirmos alguns irmãos perguntarem: “Para um cristão, a morte já é como a Segunda Vinda de Jesus?” A resposta é não. Inicialmente, consideremos que a Segunda vinda de Jesus será para buscar sua Igreja, conforme o apóstolo Paulo ensina em 1 Tessalonicenses 4. 13 -17: “Não quero, porém, irmãos, que sejais ignorantes acerca dos que já dormem, para que não vos entristeçais, como os demais, que não têm esperança. Porque, se cremos que Jesus morreu e ressuscitou, assim também aos que em Jesus dormem Deus os tornará a trazer com ele. Dizemo-vos, pois, isto pela palavra do Senhor: que nós, os que ficarmos vivos para a vinda do Senhor, não precederemos os que dormem. Porque o mesmo Senhor descerá do céu com alarido, e com voz de arcanjo, e com a trombeta de Deus; e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro; depois, nós, os que ficarmos vivos, seremos arrebatados juntamente com eles nas nuvens, a encontrar o Senhor nos ares, e assim estaremos sempre com o Senhor”.
Vemos que Paulo complementa nesse texto a revelação que Deus lhe deu em 1 Co 15.23: Cristo, as primícias; depois, os que são de Cristo, na sua vinda”. Isso corrobora com a doutrina de 1 Co 15.51-52: “Eis que vos digo um mistério: Na verdade nem todos dormiremos, mas todos seremos transformados, num momento, num abrir e fechar de olhos, ante a última trombeta; porque a trombeta soará,  e os mortos ressuscitarão incorruptíveis, e nós seremos transformados”.
Óbvio, os que “são de Cristo” são aqueles que “morreram no Senhor” (“os que dormem”) e “nós, os vivos, os que ficarmos até a vinda do Senhor”. Isso estabelece também uma ordem de prioridade: primeiro os que dormem e depois os vivos. Esse é o primeiro conceito.
Depois, biblicamente, temos o conceito de morte. Em Tiago 2.26, lemos: “Porque assim como o corpo sem o espírito é morto...”. Deduz-se, portanto, que a morte não é extinção, mas, sim, separação. 
A morte biblicamente, é vista ainda como um sono, conforme 1 Co 15.6: “Depois, foi visto, uma vez, por mais de quinhentos irmãos, dos quais vive ainda a maior parte, mas alguns já dormem também”. Como dissolução da casa terrena (2 Co 5.1); e como “despir-se deste tabernáculo”, expressão do apóstolo Pedro (2 Pd 1.14). Esse é o segundo conceito. Quando o homem morre, de acordo com a Palavra de Deus existe uma cessação da vida natural. Com isso queremos dizer que cessam suas origens que ligam à natureza. Não há mais pai, filho, família etc, bem como lhe cessam também todas as suas ligações com as leis físicas e naturais. O tempo natural para de ser contado. Salomão, escrevendo em Eclesiastes, faz referência a isso. Ele diz que “os mortos não sabem cousa nenhuma” e que “para sempre não parte em cousa alguma do que se faz debaixo sol” (Ec 9.5-6).
Quando os mortos em Cristo ressuscitam, são novas criaturas, com uma natureza totalmente espiritual. Essa ressurreição só se dará na Segunda Vinda do Senhor quando Ele vier buscar a sua Igreja.
Ora, se cessa o transcorrer do tempo, os que já morreram não ficarão esperando a Vinda do Senhor, pois o tempo não esta passando para eles.
Os que questionam a Pedro sobre a demora da Segunda Vinda de Jesus (“Onde está a promessa da sua vinda”?) receberam como resposta que para Deus o tempo não passa, conforme 2 Pd 3.4,8. Nesse caso, o tempo que passa para o homem é a misericórdia de Deus em ação. Lembremos que Deus é eterno, conforme a visão de Daniel 7.9, onde Deus é apresentado como o “Ancião de Dias”.
Então, temos certeza de que os que morrem no Senhor somente vão ressuscitar na Segunda Vinda, e todos de uma única vez, precedendo aos que estiverem vivos!

Jemuel Kessler é pastor da AD no Rio de Janeiro, articulista e membro da Comissão de Apologia da CGADB.

Fonte: Jornal Mensageiro da Paz, Outubro de 2005 – Pág. 15.  


Por:

3 comentários:

  1. Caro Dc Valdemir, paz e parabéns pelo teu blog. Concordo com as suas palavras nesta mensagem. É uma honra seguir e fazer parte do vosso blog. Também o convido a visitar e participar do meu blog.

    Att.,
    http://wwwteologiavivaeeficaz.blogspot.com/

    Prfº Netto, F.A.

    ResponderExcluir
  2. É uma honra receber o senhor como meu seguidor. Que Deus continue lhe abençando.

    ResponderExcluir
  3. Irmão Valdemir, parabenizo pelos comentários em seu blog das lições bíblicas da Escola Dominical. É mais uma ferramenta disponível para os profesores e alunos para incrementarem suas aulas. Que Deus continue lhe abençoando e que um dia veha o Senhor coroar seu trabalho e empenho no que diz respeito a Palavra de Deus em seu ministério com a publicação de um livro de sua autoria.

    Seu irmão em Cristo Paulo Sérgio.

    ResponderExcluir