quinta-feira, 21 de outubro de 2010

A DIFERENÇA ENTRE O BATISMO DE JOÃO E O DE JESUS





“Por que Paulo batizou os crentes de Éfeso novamente (At 19.5), já sendo eles batizados no batismo de João (At 19.3)? Nesse caso, qual a diferença entre o batismo de João e o de Jesus”?

Por: William Miranda

O que é batismo? Ora, batismo é uma ordenança deixada pelo Senhor Jesus Cristo que, juntamente com a Santa Ceia, se constitui doutrina. O batismo, apesar de várias tipificações no Velho Testamento, efetivamente foi realizado por João Batista, cujo nome já fala de batismo. Melhor dizendo, “Batista” não constituía nome, mas, sim, uma qualificação do que ele fazia. João Batista significa “o João que batiza”, pois seu nome com sobrenome era “João filho de Zacarias”. Era assim que se construíam os nomes à época.
Batismo é símbolo da morte para o mundo. A palavra, no seu original, sugere o entendimento de morte. O batismo é citado em 22 textos na versão Almeida Revista e Corrigida, e a maior parte relacionada ao próprio João e à palavra “arrependimento”. O batismo de João evoca a necessidade de arrependimento e morte para os pecados. Jesus foi batizado por João não porque precisa-se se arrepender de alguma coisa, mas, como nos diz a Bíblia, para “cumprir toda a Lei”, toda a tradição.
No caso em tela, levantado pelo leitor, observamos a questão da consciência para o batismo. Os irmãos citados em 19 não tinham conscientização do caráter de resgate que Cristo realizou na cruz do Calvário. Não conheciam o batismo no Espírito Santo. Em seu batismo em águas, eles não tinham consciência da obra redentora de Cristo. Tinham o arrependimento, porém não sabiam da Redenção, como subponto da Doutrina da Salvação. Eram batizados em águas para arrependimento, porém, por ignorância por falta de ensino, não sabiam que ao serem batizados não só “morremos para o mundo, mas “vivemos para Cristo”. o ensino estava incompleto.
Duas aplicações são vistas nessa passagem: o perigo do abandono do ensino integral da Santa Palavra do Senhor e uma questão de Teologia Prática – a consciência para o batismo. Esta última deve ser observada para não batizar-se pessoas que não sabem o que estão fazendo. É por isso que não batizamos crianças, por falta de consciência do ato. Nós as apresentamos como foi com o nosso Senhor Jesus.
A outra aplicação de que falamos é uma das questões contemporânea que mais solapam a igreja verdadeira. Estamos vivendo dias de abandono das doutrinas. São elas que nos fazem Igrejas. As doutrinas são nossa identidade. O que nos faz Igreja de norte a sul deste país, com tantas divergências regionais? As doutrinas. Lamento que tenham aparecido novos evangelhos, que não são idênticos àquele completo deixado pelo Senhor Jesus e confirmado pelo seu Santo Espírito, os quais foram e são a Pedra Angular e o sustento da Igreja. Pregam um Cristo que ora só cura, ora só expele demônios pelo seu nome, ora só dá dinheiro. Há também campanhas que seccionam o Evangelho, como, por exemplo: “segunda-feira: cura”; “terça-feira: família”; “quarta-feira: finanças”, e assim por diante. Jesus salva, cura, batiza no seu Santo Espírito todos os dias em todos os cultos, porque primamos pelo Evangelho completo.
E quanto a diferença entre o batismo de João e o nome de Jesus? O batismo de João aponta para o arrependimento. O batismo em nome do Senhor Jesus apresenta a obra completa.

William Miranda de Melo é pastor, vice-líder da AD em Sobradinho (DF) e membro da Comissão de Apologética da CGADB.                     

Fonte: Jornal Mensageiro da Paz, Setembro de 2005 – Pág. 15.   

6 comentários:

  1. ESTA EQUIVOCADO PASTOR O SINGUINIFICADO DO BATISMO DE JOAO E DE JESUS E QUE NO BATISMO DE JOAO NAO ERA MENCIONASDO O NOME DE JESUS PORQUE JESUS NAO PODERIA SER BATISADO EM SEU PROPIO NOME ERA FEITO APENAS NO NOME DE DEUS E DO ESPIRITO SANTO APOLO SO CONHECIA ESSE BATISMO QUE ERA DE BATISAR NO NOME DO PAI E DO ESPIRITO SANTO ENTAO PAULO DISSE TEM QUE SERR BASTISADOS NO NOME DE JESUS PARA QUE RESCEBAN O ESPIRITO SANTO

    ResponderExcluir
  2. O batismo de João vinha para o arrependimento e o BATISMO de Jesus veio para que se cumprisse toda Justiça NELE, portanto, hoje o batismo das seitas humanas só servem para afiliar o neófito ao hal de membro das seitas pseudas cristãs. Romanos 6:3 a 14; Colossenses 2.8 a 15.
    Simples; não é?

    ResponderExcluir
  3. Na minha ignorância vejo qe o batismo de João era para sepultar o velho homem adâmico e o batismo de Jesus é pra nos introduzir no trabalho da obra de DEUS

    ResponderExcluir
  4. o batismo de joao visava apenas ao arrependimento, condição crucial para que as pessoas pudessem receber aquele que estava por vir, Jesus. Jesus batizava com Espirito Santo E com fogo, ou seja, no Espirito Santo há um "fogo" e esse fogo tem como função queimar ou eliminar nossas impurezas, mudando a cada dia nosso carater. Pedro disse isso na sua 1ª epistola 1:7, esse queimar vm pelas circunstancias do dia a dia. Eliminando essas impurezas nossa fé crescera e estaremos aptos a governar o mundo que ha vir juntamente com Cristo Hebreus 2:5-8. Jesus é O Senhor!!

    ResponderExcluir
  5. O BATISMO É ?
    É SINAL DE NACIMENTO E COMPROMISSO DE COMUNIDADE Cristan.

    ResponderExcluir
  6. Aqueles que foram batizados no nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo - batismo do arrependimento, batismo de João, ainda não nasceram de novo. Mas podem buscar suas Salvações se batizando em Nome de Jesus. Pois se entende que o batismo de João foi apenas para o arrependimento, e não para salvação. (Atos 2:38)

    ResponderExcluir